Bares e restaurantes oferecem wi-fi para atrair clientes

Com a popularização dos notebooks e de aparelhos celulares que utilizam internet sem fio, as conhecidas redes wireless ou wi-fi, alguns locais em Campo Grande já começam a oferecer gratuitamente aos seus clientes um ponto de acesso à Rede Mundial.

A idéia é fazer com que o cliente permaneça mais tempo no local realizando seu trabalho ou entretendo-se na internet e consuma os produtos oferecidos.”Entre cinco e dez clientes por dia utilizam a nossa internet, ficam por horas até”, conta Edson Dias, gerente do recém criado Café Firulas.

Com mais de três anos de wi-fi para os clientes, o movimento de pessoas para usar a rede vem aumentando na Pão & Tal, uma padaria que virou também café, lanchonete e outras coisas. Suédia Souza, gerente da loja, acredita que a rede é um bom atrativo: “A pessoa vem para cá tomar o café e já vai trabalhando, de manhã é quando mais gente usa, a pessoa já começa a trabalhar daqui”, conta a gerente.

Mas e se o cliente só ficar usando a conexão e não comprar nada? Suédia Souza pensa mais amplamente:”É bacana a pessoa se sentar a vontade, ela volta depois, traz gente pela comodidade e consome depois. Tem cliente que fica a manhã inteira trabalhando e tomando café”. Além de uma rede sem fio, a padaria oferece também entrada para cabos de rede, uma opção para aparelhos mais antigos.

O publicitário Filipe Torrezan, que usa wireless em seu notebook e celular, acredita que a vantagem é o conforto que esse tipo de serviço traz. “O wireless é muito importante em lugares com salas de esperas, em restaurantes e consultórios, é um conforto para o cliente. Como muitos acordos são fechados online, muitos trabalhos são entregues e aprovados via e-mail, é sempre bom quando você pode conferir e estar atento ao que acontece no mundo online”, afirma Torrezan.

A diversão também é um dos motivos para se utilizar a internet em locais públicos. “Quando reúno com amigos que possuem celulares, ou notebooks, sempre gostamos de estar conectados, ou compartilhando algo online. Isso acaba influenciando na nossa escolha por um restaurante, ou até balada”, explica o publicitário.

David Bastelli, que escreve sobre baladas em Campo Grande, é um dos adeptos do uso de internet sem fio em locais públicos. “Eu acho muito bacana, eu tenho um notebook, então hoje em dia eu só freqüento lugares que tem wi-fi,por que tempo é grana e internet é rapidez”, afirmou o colunista.

Marketing

Carlos Henrique Silva, professor de marketing e consultor do Sebrae/MS, avalia a postura das empresas da Capital como parte de um movimento maior. “O mundo hoje está mudando muito o comportamento das pessoas, há uma situação de conectividade, hoje elas precisam estar conectadas. Antes era uma coisa que você fazia somente em casa ou no escritório, hoje a necessidade é de estar 24 horas conectados, é o celular, o carro, que dão acesso. Esses locais onde a pessoa pode ficar conectada são uma oportunidade para a empresa conseguir vender mais, atender melhor e faz com que o cliente permaneça mais tempo, se ele chega a um café, ao invés de tomar só um café ele consome mais, come um pão de queijo e toma uma água, ele fica pela facilidade e isso é um benefício, agrega vendas ao cliente e ele percebe mais, experimenta mais o que a empresa tem para oferecer”.

Portal MS

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s